Shania Who?

Shania Twain é cantora, compositora, produtora, atriz e escritora canadense, e um dos grandes nomes da música country no mundo todo. Atualmente possui cinco álbuns de estúdio que, juntos, ultrapassam 100 milhões de cópias vendidas.

Há 20 anos “Come On Over” atingia o topo das paradas britânicas

Era 04 de novembro de 1997. A cantora country Shania Twain, que já havia chacoalhado Nashville em anos anteriores, lança seu terceiro álbum. Mal sabia ela que este projeto, estaria prestes a dominar as paradas, se tornando o álbum mais vendido da história da música country, o álbum de estúdio mais vendido por uma artista feminina e o responsável por arremessá-la de vez ao status de superestrela mundial.

Mesmo sendo um recorde de vendas já em sua primeira semana, “Come On Over” demorou um pouco mais para impressionar o público internacional, que, ao contrário do público norte-americano, foram menos atraídos pela música country. Pensando nisso, Shania e seu então marido e produtor Robert Lange trabalharam em uma nova versão, revisada, para um público internacional diferente do americano.

E deu certo! Dois anos foram suficientes para levar a artista canadense ao topo das paradas em países do outro lado do Atlântico.

Rob Copsey foi o responsável por nos trazer de volta essa nostalgia. Confira abaixo a matéria do site Official Charts que relembra o sucesso estrondoso que o álbum teve, ao alcançar o Reino Unido, há exatos 20 anos atrás.

O álbum “Come On Over” de Shania Twain provou o velho ditado de que ir devagar e sempre realmente pode garantir uma vitória. Depois de estrear em 15º lugar na parada de álbuns oficiais do Reino Unido em março de 1998, o disco finalmente alcançou o número 1 74 semanas depois, esta semana em 1999.

O Reino Unido demorou a aquecer com o som de Shania – a música country não tinha um grande público e olhando o Top 40 da época mostra que pouca coisa era comparável ao seu som. Por outro lado, Shania era uma estrela mundial nos EUA. Na época, seu álbum de 1995, “The Woman In Me”, era o álbum de música country mais vendido nos Estados Unidos. O álbum não chegou às paradas no Reino Unido até 2000, muito depois do lançamento de “Come On Over”.

Tal foi a aversão do Reino Unido à música country que “Come On Over” foi remixado para dar uma sensação pop e mundial. Todas as 16 músicas da lista de faixas com muita exclamação permaneceram, mas novas capas foram feitas e apenas uma música foi mantida em sua forma original, o violino country de “Rock This Country!” provando ser sublime para se mexer. Como no álbum original, Shania e seu então marido Robert Lange trabalharam apenas na versão revisada para um público internacional.

Eles certamente tiveram sucesso em sua missão. O resultado das novas mixagens enviou as vendas do álbum e seus singles a números estratosféricos. Uma versão reformulada de “That Don’t Impress Me Much” chegou ao número 3, e “Man! I Feel Like A Woman!” conseguiu o mesmo. O single final do álbum, “Don’t Be Stupid (You Know I Love You)”, levou ao máximo a mistura country misturado com dance do álbum, tanto que a edição dançe lançada como single não aparece no álbum – ou mesmo hoje em plataformas de streaming.

No total, “Come On Over” acumulou 3,4 milhões em vendas (físicas e downloads) no Reino Unido, tornando-o o 15º álbum mais vendido do país. Sua maior semana de vendas foi a penúltima semana de 1999, quando vendeu 278.000 cópias em sete dias. Internacionalmente, a coleção já vendeu mais de 40 milhões, incluindo 20 milhões nos EUA.

Come On Over” ainda está se mostrando popular na era do streaming: desde que os registros começaram em 2014, “Come On Over” registrou 84 milhões de execuções em todas as suas faixas no Reino Unido. A música mais popular do álbum é “Man! I Feel Like A Woman!”, com 22 milhões de reproduções. Isso não será uma novidade surpreendente para a maioria; sua introdução “Let’s go girls!”, ainda hoje é frequentemente referenciada. Enquanto isso, a faixa mais popular do álbum é a faixa-título, lançada como décimo single do álbum (de doze!) nos Estados Unidos.

Fonte: Official Charts

Publicado por Diego Brambilla

COMENTÁRIOS