Shania planeja álbum, turnê e retorno à Vegas!
25.10.2016
• publicado por Diego Brambilla em Notícias, prêmios

Na quinta-feira ocorreu o CMT Artists Of The Year, onde Carrie Underwood, Luke Bryan, Chris Stapleton, Thomas Rhett, Florida Georgia Line e Kelsea Ballerini subiram ao palco para levar seus troféus. Porém, durante o tapete vermelho, na quarta-feira, um nome estava na boca de todos: Shania Twain.

O rosto do country dos anos 90 e 2000, Shania Twain estava na plateia para receber o prêmio de ‘Artist Of A Lifetime‘. Conhecida pelos seus vídeos glamourosos, letras corajosas e incrível presença de palco, Twain tem mantido um certo silêncio desde a conclusão da turnê “Rock This Country a qual chamou de sua “turnê de despedida” no último outono. Mas há rumores de que a cantora de “Man! I Feel Like A Woman!” está trabalhando em um novo álbum, considerando uma turnê internacional e pensando em um possível retorno à sua residência em Las Vegas.

Desde Underwood, que apresentou Twain com o prêmio, até as novatas Ballerini e a cantora pop Meghan Trainor, que apresentaram um tributo à Shania, todos estavam emocionados pela artista revolucionária, que mudou o jeito de ouvir – e de ver – a música country.

Até a amadurecida cantora e atriz Jill Scott, que se juntou à Ballerini e Trainor no tributo, disse que estava ansiosa para se apresentar para a mega-estrela “Essa mulher tem músicas incríveis – poderosas canções femininas,” ela disse. “Seus vídeos eram revolucionários; pelas roupas, pelas maquiagens. Seus cenários eram incríveis. Ela está ótima. Então estou um pouco assustada. Estou nervosa.

Twain, que voltou ao centro das atenções e permaneceu no palco para um discurso de agradecimento por um tempo maior que as premiações normalmente permitem, disse à multidão que não queria ir embora porque “eu estou amando esse momento.

No tapete, ela compartilhou alguns detalhes de sua decisão de se aposentar.

Eu nunca disse que pararia de gravar,” provocou Twain. “Ainda há muitos países que não visitei, então eu vou finalizar essa etapa, e as músicas novas são iminentes. Eu estou colocando a cereja no bolo e fazendo os últimos retoques. Esse tem sido o meu projeto desde que a turnê terminou; tem sido meu foco.

Mas será que esse álbum soará como a clássica Shania Twain ou é um tipo de Shania 2.0? Twain disse que será um pouco dos dois.

Há muita variedade. Haverá muito mais variedade nesse álbum do que em qualquer um dos meus outros álbuns,” diz ela. “Haverá algumas surpresas nele, e sim, haverá um monte de coisas que são talvez mais a versão clássica de “mim”. Eu acho que será bem reconhecível.

Apesar da variedade, Shania Twain diz que os ouvintes poderão esperar uma constância: Sua voz.

Eu compus todas as canções, então, há uma continuidade nele, emocionalmente, mesmo com todas as canções sendo bem diferentes,” diz ela. “Há uma linha bem comum na emoção e na voz. Não importa o que estilisticamente o envolve, a voz é o que parece unir tudo isso.

Fonte: Parade.com

Shania promete novidades no ‘Artists Of The Year’
20.10.2016
• publicado por Diego Brambilla em Notícias, prêmios

Shania Twain, a honrada com o prêmio “Artist Of a Lifetime” (Artista de toda uma vida), merece todo o crédito. A artista crossover recebeu seu troféu com uma ousada exuberância.

Eu não quero sair do palco agora porque estou amando este momento,” disse ela, “Eu amo a música, e espero que ela continue na minha vida por muitos e muitos anos.

E parece que vai, considerando que a canadense confirmou um novo álbum no tapete vermelho.

Eu tenho músicas novas a serem lançadas muito em breve e estou muito animada pra isso. Será uma nova fase musical,” diz Twain à Rolling Stone Country, ansiosa para continuar sua grande carreira com cinco Grammys, mais de 20 milhões de cópias vendidas com um único álbum (The Woman In Me, de 1995) e turnês lotadas – incluindo a possível “turnê de despedida” do ano passado.

Eu sou compositora, artista, cantora, e trabalhei duro em tudo ao longo desses anos,” ela diz, refletindo sobre sua honraria. “Eu comecei profissionalmente há 44 anos. Praticamente minha vida toda tem sido como artista profissional, de um jeito ou de outro. Eu sinto como se estivesse vivido três vidas.

Underwood entregou o troféu a Twain, com Ballerini, a cantora de R&B Jill Scott e Meghan Trainor saudando à cantora com um pot-pourri dos seus hits, incluindo sua assinatura “Man! I Feel Like A Woman!”. Mas a apreciação de Twain se estende para além do palco, com artistas como Scott e Florida Georgia Line discutindo sobre sua influência.

Ela empurrou as barreiras, criou a sua própria pista e abriu muitas portas para os novos artistas diferentes que chegaram. Ela definitivamente nos inspirou“, diz Tyler Hubbard do FGL.

Foi legal assisti-la passando pelas diferentes fases de sua carreira, e de sua arte,” acrescenta Brian Kelley. “Isso é vida real, e isso é música country.

Scott disse que Twain mudou a cara da música country com sua produção baseada no rock e sua imagem sexy. “Eu amo o som do violão, o som das guitarras. Ela misturou tudo, parecendo astuta,” diz Scott, “e contando histórias do country na sua poderosa forma.

Eu acho que mais do que qualquer outra coisa ela foi destemida, e demonstrou em seu figurino, no seu coração e na sua música,” diz Ballerini. “Toda garota quer ser Shania Twain.

O CMT ‘Artists Of The Year’ também conta com apresentações de Underwood, Bryan com Karen Fairchild do Little Big Town, e Stapleton, que trouxe um grande solo na sua música “Whiskey and You”.

O CMT ‘Artists Of The Year’ vai ao ar nesta quinta-feira à noite, 20 de Outubro, às 9:00 p.m./ET.

Get More:

Fonte: Rolling Stone

Shania Twain brilha no ‘CMT Artists Of The Year’
20.10.2016
• publicado por Diego Brambilla em Notícias, prêmios

O ‘CMT Artists Of the Year‘ que deverá ir ao ar hoje pela emissora americana CMT, ocorreu ontem à noite em Nashville, Estados Unidos. O evento contou com a presença de inúmeros artistas, dentre eles os homenageados Luke Bryan, Carrie Underwood, Thomas Rett e Chris Stapleton.

Além disso, o evento também contou com a presença de Shania Twain, que foi homenageada com o prêmio “Artist Of A Lifetime” (Artista de toda uma vida). Aos 51 anos, a cantora, exuberante em um macacão preto justinho, em entrevista ao canal afirmou estar honrada pela homenagem. “Eu tenho feito isso profissionalmente por 44 anos, essa é a alegria de minha vida“, afirmou.

Shania Twain sorri no 'CMT Artists Of The Year'

No palco, as canções de Shania também foram homenageadas. Meghan Trainor iniciou a performance com um cover de um dos maiores hits da cantora, “You’re Still The One”. Em seguida, Kelsea Ballerini entrou no palco ao som de “Any Man Of Mine”. Por último, Jill Scott encerrou com uma apresentação única de “Man! I Feel Like A Woman!”.

Mais tarde, Carrie Underwood foi a responsável por entregar a estatueta à Shania.

Shania Twain recebe premio durante o 'CMT Artists Of The Year'

O especial ‘CMT Artists Of The Year‘ vai ao ar nesta quinta-feira, 20 de Outubro às 9:00 p.m. ET na CMT. Você já pode conferir mais fotos da noite de ontem em nossa galeria.

Meghan Trainor prestará homenagem a Shania Twain no ‘CMT Artists of the Year’
18.10.2016
• publicado por Diego Brambilla em Notícias, prêmios

A popstar vencedora do Grammy, Meghan Trainor, a cantora de R&B Jill Scott e a cantora sueca Zara Larsson estão entre os artistas que farão tributo aos homenageados no CMT Artists Of The Year 2016.

Entre as conexões de Trainor com a música country estão a composição de “Road Less Traveled” de Lauren Alaina e a presença da cantora durante o CMA Awards para cantar “All About That Bass” com Miranda Lambert em 2014. Durante a festa anual do CMT, ela irá se juntar com Scott e Kelsea Ballerini – que receberá o prêmio de Artista Revelação – em uma performance em honra à Shania Twain, recebedora do prêmio “Artist Of A Lifetime”. Larsson, enquanto isso, se apresentará com o homenageado Thomas Rhett em uma adaptação da canção indicada ao CMA Award “Die a Happy Man” e “Never Forget You”.

Karen Fairchild do Little Big Town também foi anunciada como performer, juntando-se com o “Artista do Ano” Luke Bryan. Little Big Town entregará o prêmio a Bryan durante o especial de 90 minutos, que ocorrerá no Schermerhorn Symphony Center, em Nashville. Os ginastas olímpicos Aly Raisman e Madison Kocian que ganharam medalha de ouro, e o apresentador de talk-show Arsenio Hall também estará escalado para se apresentar.

O CMT Artists Of The Year celebra cinco grandes artistas country escolhidos pelo canal: Carrie Underwood (sendo honrada pela terceira vez), Chris Stapleton (vencedor do prêmio de Artista Revelação no último ano), Florida Georgia Line (sua quarta honraria consecutiva), Luke Bryan (empatado com Jason Aldean, ganhou o prêmio 5 vezes) e pela primeira vez Thomas Rhett.

O CMT Artists Of The Year acontece na quinta-feira, 20 de Outubro às 9:00 p.m. ET na CMT.

Fonte: Rolling Stone

Shania Twain será homenageada no CMT Music Awards 2016
04.10.2016
• publicado por Diego Brambilla em Notícias, prêmios

Shania Twain será a primeira artista feminina a receber o prêmio de “Artista de todos os tempos” durante a sétima comemoração do CMT Artistas do Ano no próximo 20 de Outubro às 9 p.m. ET/PT. Dentre os artistas que já receberam a homenagem estão os lendários Kenny Rogers e Merle Haggard, nomeados respectivamente em 2015 e 2014.

Gravado ao vivo no Schermerhorn Symphony Center em Nashville, o especial de 90 minutos contará com performances, tributos e brindes inesquecíveis enquanto as maiores estrelas da música, do cinema e da televisão se reúnem para celebrar os cinco artistas selecionados pela CMT como os melhores artistas do ano: Carrie Underwood, Chris Stapleton, Florida Georgia Line, Luke Bryan e Thomas Rhett.

Esses artistas dominaram nos últimos 12 meses as plataformas da CMT e as rádios country, estiveram no topo das paradas com álbuns e singles, e lotaram arenas por todo o país.

Além disso, a CMT irá homenagear a estrela em ascensão Kelsea Ballerini com o segundo prêmio anual Artistas do Ano Breakout.

Twain, cinco vezes vencedora do Grammy, foi selecionada pelo seu incrível impacto e realizações na música country. Com mais de 75 milhões de álbuns vendidos no mundo todo e vendas que ultrapassam 34,5 milhões nos EUA, ela permanece como a artista country feminina com maior vendagem de todos os tempos. O seu lançamento de 1997, “Come On Over” já vendeu mais de 15,6 milhões de cópias, só nos Estados Unidos, sendo o álbum country mais vendido, o álbum mais vendido por uma artista feminina em qualquer gênero e o segundo álbum mais vendido na história da SoundScan.

Outros artistas, apresentadores e convidados especiais para o evento, serão anunciados em breve.

Fonte: CMT

cmamf2011-45.jpg
cmamf2011-44.jpg
cmamf2011-43.jpg
cmamf2011-42.jpg
cmamf2011-41.jpg
cmamf2011-40.jpg
cmamf2011-39.jpg
cmamf2011-38.jpg
cmamf2011-37.jpg
cmamf2011-36.jpg
cmamf2011-35.jpg
cmamf2011-34.jpg
cmamf2011-33.jpg
cmamf2011-32.jpg
cmamf2011-31.jpg
cmamf2011-30.jpg
cmamf2011-29.jpg
cmamf2011-28.jpg
cmamf2011-27.jpg
cmamf2011-26.jpg
cmamf2011-25.jpg
cmamf2011-24.jpg
cmamf2011-23.jpg
cmamf2011-22.jpg
cmamf2011-21.jpg
cmamf2011-20.jpg
cmamf2011-19.jpg
cmamf2011-18.jpg
cmamf2011-17.jpg
cmamf2011-16.jpg
cmamf2011-15.jpg
cmamf2011-14.jpg
cmamf2011-13.jpg
cmamf2011-12.jpg
cmamf2011-11.jpg
cmamf2011-10.jpg
cmamf2011-09.jpg
cmamf2011-08.jpg
cmamf2011-07.jpg
cmamf2011-06.jpg