[Review] Shania Twain volta aos holofotes na Rogers Arena
14 Maio 2018

Depois de uma ausência de 15 anos, Shania Twain voltou aos holofotes na Rogers Arena na noite passada (5 de maio) como se ela nunca tivesse saído. O show foi o prmeiro de dois shows consecutivos em Vancouver em apoio ao álbum “Now”, seu primeiro álbum desde “Up!” de 2002.

Now” estreou em primeiro lugar na parada dos 200 principais álbuns da Billboard. Mas seu retorno é mais notável porque ela voltou depois de uma década e meia de problemas de saúde e relacionamento. Ela fez uma cirurgia para reconstruir sua laringe depois de sofrer de paralisias devido à doença de Lyme. Ela também se divorciou de Robert “Mutt” Lange, que produziu três de seus álbuns, porque ele a traiu com sua melhor amiga Marie-Anne Thiébaud. Twain se casou com o ex-marido de Marie-Anne, Frédéric Thiébaud.

Um grande retorno exigia uma grande entrada. Twain apareceu da plateia na parte de trás da arena. Seguranças a acompanharam até o palco onde ela abriu com “Life’s About To Get Good”. A mensagem positiva era alta, clara e apropriada.

Na maioria das vezes, gosto de escrever sobre otimismo. Essa música é sobre todos os pequenos momentos ruins que nós apenas temos que rir”, ela disse apresentando “Up!”. Antes da próxima música “Poor Me”, que não é a única dela sobre a infidelidade, ela negou que estava “se sentindo bem no geral e em um espaço de apoio”.

Apesar do tumulto pessoal de Twain, ela é uma estrela pop country – a estrela country campeã de vendas e uma das estrelas que mais venderam em todos os tempos, na verdade. Então havia muito brilho em seu set. Ela celebrou o início do verão com “Come on Over”. Ela também tocou a regueira “Swingin’ With My Eyes Closed”, que ela chamou de sua canção de verão e disse lembrar das canções de rock de sua adolescência.

O mais divertido foi quando ela vestiu um chapéu de caubói, e sua banda arrebentou nos violinos e trompetes. “Don’t Be Stupid (You Know I Love You)”, “Whose Bed Have Your Boots Been Under?” e “Honey, I’m Home”. Depois de um solo de bateria de sete minutos e uma câmera de beijo, os fãs se levantaram para “Any Man of Mine”. Twain parecia ter o mais divertido flerte com seus dançarinos em “That Don’t Impress Me Much”.

Como mencionado, os músicos de Twain estavam livres para vaguear. Ela também se movia, muitas vezes longe do palco principal. Um assento suspenso no teto a levantou por um pequeno segundo no meio da arena. No alto, ela cantou “Soldier” e “You’re Still the One”. Ela também conheceu alguns fãs aqui: Chad, de Hope (que tinha família da Timmins, cidade natal de Twain) e Cameron, de Vancouver. Depois que eles fizeram selfies juntos, ela pediu que eles substituíssem seus guarda-costas. Chad e Cameron a levaram de volta ao palco principal e a ajudaram a subir em seu piano, onde ela cantou a tempestuosa “More Fun”.

O cantor / compositor suíço Bastian Baker, que abriu o show, se juntou a Twain para “Party for Two”. Em “(If You’re Not In It For Love) I’m Outta Here!” confetes e flâmulas dispararam acima do público que sinalizou fim. Mas, claro, havia encores: seu hit “Man! I Feel Like A Woman!” e “Rock This Country!

Twain disse ao público de Vancouver que ela superou seu divórcio, lembrando o quanto mais ela havia superado em sua vida. Traumas como o que ela sofreu quando criança – abuso físico, mental e sexual – não se curaram completamente. E o retorno dela não foi livre de drama. Ela disse ao “The Guardian” há duas semanas que teria votado em Donald Trump porque “apesar de ser ofensivo, ele parecia honesto”. Apesar de seu trauma entrincheirado e seu erro de RP, ela conseguiu voltar da melhor forma com um show ousado e glamouroso como seus vídeos de música. Ela disse que não conseguiu aproveitar seus primeiros anos porque trabalhava muito. Mas certamente pareceu que Shania Twain se divertiu com seu grande retorno em Vancouver.

Leslie Ken Chu
VANCOUVER WEEKLY

[Review] Shania Twain seduz audiência do Tacoma Dome no concerto de 3 de maio
14 Maio 2018

O Tacoma Dome estava cheio de ansiedade aguardando o retorno da superstar da música country Shania Twain após 20 anos. (A sensacional sensação de cantar atingiu Seattle durante sua turnê “Rock This Country” de 2015.) Twain, a artista feminina com maior vendagem da música country – com mais de US $ 100 milhões em vendas de discos – trouxe sua turnê “Now” para a cúpula em estilo clássico.  Ela entrou na parte de trás da arena e caminhou até o palco, onde ela começou o show com “Life’s About to Get Good” do seu álbum “Now”. A multi-vencedora do Grammy Award entregou seu exclusivo country / pop de alta octanagem juntamente com uma brilhante produção de palco. Twain não vendeu pouco aos fãs; tendo aprendido uma coisa ou duas de seu recente trabalho de residência de dois anos em Las Vegas, onde a coreografia, o guarda-roupa e as mudanças no set são a norma. Às vezes, durante sua performance, Twain se apresentava três andares acima de seus dançarinos e músicos.

Twain, a cantora pop country original antes da utilização do termo “crossover“, foi pioneira em um caminho para os gostos de Taylor Swift e Lady Gaga. A turnê “Now” encontra Twain, de 52 anos, com uma aparência incrível e balançando os fãs agora, como sempre.

Um pouco mais da metade do show, Twain fez uma travessia aérea da cúpula em um balanço feito de um estojo de violão enquanto tocava seu mega hit favorito dos fãs “Your Still the One” com a multidão cantando junto.

Now” começou sua turnê mundial de 77 cidades em Tacoma, e pela aparência dos fãs cantando e dançando nos corredores, esta não será a última turnê de Twain. Foi um show para não perder.

Bill Bungard
TACOMA DOME


#ShaniaNOW: Confira fotos e vídeos do show de abertura da nova turnê de Shania Twain
04 Maio 2018

Nessa quinta-feira (03), Shania Twain deu início a sua nova turnê mundial, em apoio ao seu quinto álbum de estúdio “Now“, lançado em setembro do ano passado. A turnê, que iniciou em Tacoma, nos Estados Unidos, contou com um show explosivo que foi dos clássicos como “You’re Still The One” e “Man! I Feel Like A Woman!” aos novos hits da cantora como “Life’s About To Get Good” e “I’m Alright“.

Confira o setlist completo do show:

Opening Act – Life’s About To Get Good
2 – Come On Over
3 – Up!
4 – Poor Me
5 – Don’t Be Stupid (You Know I Love You)
6 – That Don’t Impress Me Much
7 – Let’s Kiss and Make Up
8 – Any Man Of Mine
9 – Whose Bed Have Your Boots Been Under?
10 – Honey I’m Home
11 – I’m Alright
12 – Soldier
13 – You’re Still The One
13 – More Fun
15 – From This Moment On
16 – I’m Gonna Getcha Good!
17 – Party For Two (com Bastian Baker)
18 – Swingin’ With My Eyes Closed
19 – (If You’re Not In It For Love) I’m Outta Here!
20 – Man I Feel Like a Woman!
21 – Rock This Country!

A abertura do show ficou por conta do cantor Bastian Baker, que acompanhará a cantora em todos os shows, inclusive em sua apresentação no Brasil no dia 18 de agosto deste ano.

Confira na nossa galeria algumas fotos da noite de ontem em Tacoma:

Confira a entrada de Shania ao palco:

https://youtu.be/g2zxqWfy_vo

Confira fotos e vídeos de Shania Twain no Today Show
30 abr 2018
notícia postada por Diego Brambilla

Às vésperas de sua turnê “Now“, Shania Twain participou do programa Today Show onde comentou sobre sua nova turnê e ainda apresentou “Any Man Of Mine“, “I’m Gonna Getcha Good!” e, junto com o coral do Harlem, cantou “I’m Alright“, faixa que deverá estar presente na setlist de sua turnê.

As fotos já estão disponíveis na nossa galeria. Os vídeos você confere abaixo:

 

Shania Twain é anunciada como apresentadora da CCMA Awards
23 abr 2018

No dia 09 de setembro deste ano deve ocorrer em Hamilton à 36ª edição do Canadian Country Music Awards (Prêmio da Música Country Canadense). Tendo sido vencedora do prêmio por vezes, Shania Twain foi a escolhida como apresentadora da próxima cerimônia de entrega dos prêmios.

Confira abaixo o anúncio oficial:

Com uma longa lista de shows com ingressos esgotados para este verão e o recente lançamento de seu primeiro álbum em quase uma década, Shania Twain continua a ser uma das artistas mais célebres do Canadá. Hoje, a Canadian Country Music Association e a CBC estão entusiasmados em anunciar que a cinco vezes vencedora do Grammy e do CCMA Award foi confirmada para apresentar o Prêmio CCMA de 2018 no FirstOntario Center, em Hamilton, no domingo, 9 de setembro, transmitido ao vivo em todo o país às 8 pm ET (5 pm PT) na CBC e cbcbmusic.ca/ccmas.

O Prêmio CCMA 2018 homenageará e mostrará os maiores nomes e talentos emergentes da música country, apresentando performances, colaborações e momentos inesquecíveis.

Um desses momentos será a aceitação de Twain do The Generation Award. Apenas a segunda artista a receber essa honra, Twain será celebrada por seu impacto significativo na indústria da música country e sua capacidade incomparável de criar uma consciência em massa da música country em todo o mundo.

“Estou muito animada para receber o prêmio da CCMA este ano. É um momento crucial na música country à medida que a indústria evolui e estamos vendo uma nova geração de artistas profundamente talentosos surgindo e estou ansiosa para fazer parte da celebração deles e também celebrar alguns dos pioneiros antes deles”, explicou Twain. “Estou profundamente honrada em receber o Generation Award este ano, se eu inspirar alguém a abraçar sua liberdade criativa e escrever o que realmente pensa e sente sem limitação, então isso é tudo que posso esperar. A música pode preencher lacunas e unir as pessoas e todos nós devemos trabalhar juntos para garantir que todos tenham a liberdade de cantar e expressar sua verdade. ”

Os ingressos para o Prêmio CCMA 2018 estarão à venda nesta sexta-feira, 27 de abril, às 10h ET. Os ingressos estão disponíveis a partir de US $ 45,20 mais taxas em pessoa através da bilheteria do FirstOntario Centre e online em ticketmaster.ca . Para mais detalhes sobre a pré-venda da CBC Music, visite cbcmusic.ca/ccmas.

Os fãs são encorajados a acompanhar as atualizações do Prêmio CCMA via Twitter , Instagram e Facebook . Para mais informações sobre o CCMA e o 2018 CCMA Awards, visite ccma.org.

Shania Twain to Host the 2018 CCMA Awards

You heard it here first: Shania Twain will host of the 2018 CCMA Awards! We CAN'T WAIT for September! #HamOnt Tourism HamiltonGet your tickets here: https://t.co/0Ma6GEHIVI

Posted by Canadian Country Music Association on Monday, 23 April 2018

Fonte: CCMA

Entenda: Shania Twain pede desculpas por resposta dada ao The Guardian
23 abr 2018

Em uma recente entrevista ao jornal The Guardian, Shania Twain afirmou que votaria em Donald Trump para presidente americano, caso fosse eleitora americana.

Eu teria votado nele porque, apesar de ofensivo, ele parecia honesto. Você quer alguém direto ou simpático?”, disse ela. “Se eu estivesse votando, simplesmente não ia querer besteira. Eu teria votado pela sensação de que era transparente. E a política tem a reputação de não ser isso, certo?

A resposta gerou grande comoção nas redes sociais, levando seu nome aos Trending Topics do Twitter.

“Deletando as músicas da Shania Twain da minha lista depois de saber que ela apóia o Trump” – escreveu um fã.
Mais tarde, a cantora explicou a declaração pelas redes sociais e pediu desculpas:

“Eu gostaria de pedir desculpas a qualquer pessoa que ofendi em uma entrevista recente ao The Guardian sobre o presidente americano. A pergunta me pegou desprevenida. Como canadense, eu me arrependo de responder a essa pergunta inesperada sem dar mais contexto à minha resposta. Eu sou apaixonadamente contra a discriminação de qualquer tipo e espero que esteja claro nas escolhas que eu fiz, e nas pessoas com quem estou que eu não tenho nenhuma crença moral comum com o atual Presidente. Eu estava tentando explicar, em resposta a uma pergunta sobre a eleição, que meu limitado entendimento era de que o presidente conversava com uma parte da América como uma pessoa acessível a quem eles podiam se relacionar, como se NÃO fosse um político. Minha resposta foi desajeitada, mas certamente não deve ser tomada como representação dos meus valores nem significa que eu o apóie. Eu faço música para juntar as pessoas. Meu caminho sempre será o da inclusão, como mostra a minha história.”

Alguns fãs aceitaram a resposta da cantora, porém, outros ainda insistem em dizer que desaprovam a resposta.